CENTRO DE
PREVENÇÃO

Atenção Primária em Saúde –
Coordenação do Cuidado em Saúde

Especialidades

Angiologia

A angiologia é a vertente da Medicina que se especializou no estudo das veias, artérias e do sistema linfático que compõe o corpo humano.
Essa especialidade é responsável por diagnosticar e tratar qualquer tipo de condição médica que pode acometer veias e artérias, sendo que o tratamento pode ser realizado em casos de menor complexidade, como o de varizes, até casos mais sérios, como os de AVC, o Acidente Vascular Cerebral, que acontece quando uma veia do cérebro se rompe, causando uma hemorragia.

Dermatologia

Especialidade médica cuja área de conhecimento se concentra no diagnóstico, prevenção e tratamento de doenças e afecções relacionadas à pele, pelos, mucosas, cabelo e unhas.
É também a especialidade indicada para atuação em procedimentos médicos estéticos, cirúrgicos e oncológicos.

Endocrinologia

Especialidade que estuda as glândulas endócrinas e trata de doenças hormonais e metabólicas, fundamentais para o bom funcionamento do metabolismo.
As glândulas que podem ser estudadas e avaliadas por um médico endocrinologista incluem, por exemplo: a tireóide, os ovários, os testículos, o pâncreas, as suprarrenais, a hipófise e o hipotálamo.

Gastroenterologia

Especialidade bem ampla que contempla o tratamento de todo o aparelho digestivo (da boca ao ânus), como: esôfago, estômago, duodeno, intestinos delgado e grosso, pâncreas, fígado e vesícula biliar.
Os cuidados dos especialistas abrangem diversas doenças relacionadas à digestão, desde as mais simples até as mais graves e de alta complexidade, ou seja, de má digestão ou diarreia até a cirrose e o câncer do aparelho digestivo.

Cardiologia

Especialidade médica que se ocupa do diagnóstico e tratamento das doenças que acometem o coração, bem como os outros componentes do sistema circulatório. A Cardiologia trata de doenças como Insuficiência Cardíaca, Miocardite, Arritmias, entre outras que atingem milhares de pessoas no mundo todo.
A maior causa atual de mortes é por problemas cardiovasculares e, ao que tudo indica, essa incidência tende a aumentar. Todos os adultos, a partir de 18 anos de idade, mesmo que aparentemente saudáveis, deveriam consultar, o cardiologista, para se orientarem, adequadamente, a respeito de seus próprios riscos cardíacos e das diversas possibilidades de tratamento preventivo.

Clínica Geral

A clínica médica é um dos ramos mais amplos da Medicina.
O clínico geral é um profissional com especialização em clínica geral ou medicina interna – como é conhecida também – com um vasto conhecimento geral sobre o funcionamento do corpo humano, conhece os órgãos, aparelhos e sistemas profundamente, sendo responsável por servir as pessoas, ajudando-as na prevenção e cura de doenças. O clínico geral, pode diagnosticar e tratar mais de 80% dos problemas de saúde segundo a Sociedade Brasileira de Clínica Médica.

Ginecologia

Os cuidados com a saúde da mulher, em todas as fases de sua vida, são conduzidos pela Ginecologia. É a especialidade que atua tanto na prevenção quanto no tratamento de doenças que acometem os órgãos genitais femininos.
É o médico ginecologista o responsável por fazer o tratamento preventivo e o diagnóstico de condições que podem acometer o útero, as tubas uterinas e os ovários. A ginecologia também trata as partes externas do corpo feminino, como as mamas e a vulva.

Geriatria

Ramo da Medicina encarregado de estudar e tratar doenças e condições que estão relacionadas diretamente ao envelhecimento.
A geriatria trata de condições que tradicionalmente assolam idosos, como as quedas, a falta de equilíbrio, as dificuldades na hora de realizar movimentos, os problemas de memória, os diferentes tipos de demência, a incontinência urinária e a osteoporose, mas também condições que podem ser encontradas em todas as idades, como a pressão alta, a diabetes, o colesterol alto e até mesmo a depressão.

Neurologia

Especialidade médica que contempla o diagnóstico e o cuidado com as doenças que afetam o sistema nervoso central e seus componentes, incluindo algumas funções neuromusculares, revestimentos e vasos sanguíneos. Aborda desde casos considerados mais simples, como distúrbio do sono, às doenças crônicas, como o acidente vascular cerebral (AVC).
As doenças mais comuns tratadas por um neurologista são as cefaleias ou dores de cabeça; distúrbios do sono, como insônia, ronco, apneia e o excesso de sono; AVC; Alzheimer; doença de Parkinson; Esclerose Múltipla; tumores, meningites, déficit de atenção e hiperatividade.

Otorrinolaringologia

Área médica que trata as doenças relacionadas aos ouvidos, ao nariz, a garganta (faringe e laringe) e aos seios da face. O especialista tem atuação ampla em patologias clínicas e cirúrgicas, nas mais diferentes complexidades, compreendendo órgãos de relevância para fala, respiração, audição, olfato e também o equilíbrio.

Pneumologia

Especialidade médica que estuda o sistema respiratório, principalmente as vias respiratórias inferiores (traqueia e brônquios), pulmões e pleura (tecido que recobre os pulmões). Além dessas regiões, os pneumologistas também avaliam o mediastino (área do corpo que se situa entre os pulmões).

Urologia

Especialidade médica responsável por estudar e tratar doenças relacionadas às vias urinárias (os rins, ureteres, bexiga e uretra) de homens e mulheres. No caso dos homens, a especialidade ainda se estende ao trato do aparelho genital masculino:  pênis, próstata e bolsa escrotal.

Arritmia

A arritmologia é uma subespecialização da Cardiologia que tem como enfoque realizar o diagnóstico da arritmia, sua prevenção e também o tratamento médico para evitar que ela atrapalhe a vida do indivíduo ou paciente passando pelo tratamento.

Fonoaudiologia

É responsável pela promoção da saúde, prevenção, avaliação e diagnóstico, orientação, terapia (habilitação e reabilitação) e aperfeiçoamento dos aspectos fonoaudiológicos da função auditiva periférica e central, da função vestibular, da linguagem oral e escrita, da voz, da fluência, da articulação da fala e dos sistemas miofuncional, orofacial, cervical e de deglutição. Exerce também atividades de ensino, pesquisa e administrativas.

Médico de Família

A Medicina de Família e Comunidade é uma especialidade médica que possui como um de seus pilares, a assistência à saúde de forma continuada, integral e abrangente para pessoas, suas famílias e a comunidade.
A especialidade atende pessoas ao longa da vida, possui uma visão do indivíduo como um todo, trabalhando com os sinais e sintomas, proporcionando contato com o médico mesmo 

.

antes que exista a doença e também após a resolução da mesma. 
Os atendimentos são centrados na pessoa, mas considerando sempre o contexto biopsicossocial. É um tipo altamente personalizado de prestação de cuidado. Destaca-se ainda a promoção e prevenção a saúde.